Mamãe, porque é que eu sou vesgo ?


Todo mundo que me conhece está acostumado a ver o Mateus com seus charmosos óculos desde sempre.. Sim, eu digo desde sempre porque ele começou a usar óculos com 4 meses de vida.

O Mateus nasceu com 6,5 graus de miopia, não me lembro mais quanto de hipermetropia, além de que  com o passar dos meses confirmaram aquilo que eu vi desde o primeiro momento, o Mateus é também estrábico.

Engraçado que o primeiro médico a nos admitir isso, falou para o Joel:            _ Pai, nunca subestime a percepção de uma mãe sobre o seu filho, são percepções muitas vezes exageradas, mas nunca infundadas.         Ele disse isso, quando na consulta eu insistia que via os olhos do Mateus saindo do eixo e o Joel comentou com o Dr. Carlos o oftalmo na época, que seria exagero da minha parte.  

Enfim, deste dia pra cá muita coisa aconteceu.    O Mateus fez acompanhamento com oftalmologista ao longo dos seus seis aninhos de vida, com consultas quadrimestrais.  Ele quebrou vários óculos, perdeu óculos, mas também reduziu o grau, no entanto o estrabismo foi ficando cada vez mais aparente.     Não se trata de um estrabismo gritante em que se vê a criança com os olhinhos juntos, mas sim, os olhos dele certas vezes "saem" para cima (estrabismo vertical) dependendo do jeito que ele olha sai em diagonal (estrabismo oblíquo) e raramente, mas principalmente quando ele está cansado ou abatidinho de saúde, um ou outro dos olhinhos vem para o meio (estrabismo horizontal).  Ao longo destes anos, estávamos bem cientes que a cirurgia seria inevitável, mas procuramos postergar para que ele tivesse o maior ganho possível com o uso dos óculos ainda antes de operar.  Também foi necessário a oftalmo fazer um acompanhamento com ele um pouquinho mais "amadurecido" pois agora ele colabora bem mais com as consultas do que quando era menor e isso ajuda muito no diagnóstico e preparação cirurgica.

Por fim, estávamos certos de que ele seria operado no final do próximo verão, até que recentemente ele solta a pergunta que eu não esperava ouvir :   _ Mamãe, porque é que eu sou vesgo ?    
Aquilo doeu na minha alma !  Como ele percebera ?   O que o fez sair com esta pergunta justamente agora ?  Então, questionado por mim, ele responde :     _ É que todo mundo na escola me chama de vesgo!   Sinceramente ?  Acho que aquilo foi ainda pior para mim que para ele.  Eu fiquei muito chateada que ele estivesse passando por isso, afinal, que mãe quer ver seu filho sendo tachado de vesgo ou de qualquer outra coisa ?  Expliquei-lhe pacientemente que ele não é vesgo, ele é estrábico !  Contei como funcionam os nosso olhos e qual era o principal motivo pelo qual ele sempre vai no médico de olhos, expliquei novamente porque ele usa os óculos e aparentemente ele compreendeu.  Saí correndo marcar outra consulta e perguntei à doutora se seria possível adiantarmos a cirurgia para já, e ela concordou !

Agora dia 27/08/15 ele fará a cirurgia.  Peço à Deus que guie as mãos desta médica e que ele tenha a melhor recuperação do mundo.  
Agora eu abro um parêntese    -    Peço às pessoas que lêem o meu blog, que conversem sempre com seus filhos sobre este tipo de situação, pois crianças são curiosas, inocentes e inquisidoras  e sempre terão este tipo de comportamento, cabe à nós pais informar sobre as diferenças e torná-las o mais respeitadoras do próximo quanto for possível.     O Mateus, a primeira vez que viu um cadeirante que literalmente não tinha uma das pernas, ficou  intrigado sobre o que teria acontecido com aquele cidadão, então eu expliquei didaticamente sobre o fato mas principalmente, salientei que não se pode apontar, comentar ou fazer chacota das diferenças, pois isso magoa as pessoas e até hoje ele tem uma atitude muito bonitinha e ética  frente à situações como esta.    Mas enfim, não era este o intuito deste post, só quis comentar mesmo porque julgo importante ! Fecha parêntese.

Façam pensamento positivo pelo meu menino!  Afinal, atrás daquelas lentes tem um cara legal !!    Depois eu volto para contar como foi e certamente terei boas notícias !  Eu creio !!

A criança que morde

Esta semana vi um post de uma mãe em uma rede social, pedindo opiniões sobre um tal bilhete que a escola teria enviado na agenda de seu filho, falando sobre uma mordida no bracinho dele.  A mãezinha estava  desesperada e questionava se deveria ou não rebater o bilhete culpando a escola pelo fato.
 
Analisando a situação, eles eram da mesma idade, logo a criança que mordeu era tão bebê quanto a que foi mordida, certo ? Amanhã "o mordido" pode ser o mordedor, ou o puxador de cabelos ou ainda, o que arremessa brinquedos..   A professora não tem culpa, ela pode sim tentar impedir, mas muito provavelmente uma mordidinha ou outra acontecerá, pois é a fase da criança.
 
Para entender um pouco mais sobre o tema e nos desencanarmos sobre as mordidinhas nos nossos pimpolhos, temos que lembrar que as crianças até os três anos de idade anos podem apresentar este comportamento  e quando digo "as crianças" não é aquilo que só acontece na casa dos outros não.. é  inclusive, as nossas crianças!    Eles vivem a fase oral em que tudo precisa ser testado com a boca, a criança ainda não tem a melhor e mais clara maneira de expressar sua opinião e principalmente seu sentimento, logo, uma mordida um brinquedo arremessado ou uma puxada de cabelo, pode ser unicamente uma estratégia de comunicação.
 
Não tem nenhuma relação com ser ou não ser bem educado, até porque convenhamos, como é que se taxa uma criança de um ano de mal educada ? Ainda nem deu tempo suficiente para que se possa testar a qualidade de educação oferecida à ela.  Tampouco é justo atribuir a suposta agressividade do bebê aos pais dele, como algumas pessoas sugerem.
 
O Mateus veio algumas vezes mordido do berçário, principalmente na fase dos dentinhos, pois um dos amiguinhos coçava a gengiva mordendo..  Dizer que eu gostava de ver a pele dele marcadinha não seria verdade, mas eu nunca tive nenhum sentimento maior que a pena do bracinho dele, seguida de compreensão, pois amanhã poderia ser ele a morder e de fato foi.    Atualmente a  minha caçula tem levado puxões de cabelo no berçário e isso faz parte inclusive do aprendizado dela, que começará a se defender. 

Ademais tudo faz parte e está no script. Nesta fase são as mordidas, dali alguns anos serão os empurrões, depois virão os chutes na canela em partidas de futebol e assim sucessivamente, nossos filhos viverão tudo o que é necessário viver  para crescer, para aprender, mas sobretudo.. Para ser criança !!

Festa do Pijama


Super em alta, as festas do pijama são excelentes opções para as mamães que querem fazer algo bacana para o filho e sem gastar muito...  ou não, né ? Tudo depende do padrão da festa.

A ideia da festa é reunir um numero reduzido de crianças para aquelas brincadeiras inesquecíveis de quando íamos dormir na casa de amigos.. Dança, música, gato mia, histórias de terror, filme com pipoca e muitas, muitas risadas são apenas uma amostra do que uma festa dessas pode render.

Atualmente com tantas opções legais para festas, está nascendo também um nicho de decoração e personalização das festas do pijama. 

Em São Paulo existem algumas empresas especializadas em locar artigos para este tipo de festa, que cada vez mais tem feito a cabeça dos paulistanos,.

E agora, também em Curitiba .. (obaaa, iupiiii, vivaaaa) a Festa do Pijama Curitiba, também oferece este serviço bacana e divertido, que além de ser um enorme diferencial, também facilita e muito, a vida da mamãe anfitriã.

Também há quem contrate recreacionistas para ajudar com a galerinha  e dependendo da faixa etária é o tipo de brincadeira e atividade.  Para os mais novos, existe a opção de fazer a festa sem pernoite, as crianças chegam entre 18:30 e 19:00h e a alegria vai até às 23:00h quando cada um vai dormir na sua casa.. O que vale é a alegria, o que importa é comemorar !  Ah, e não se esqueça.. os pais do anfitrião tem quem entrar na brincadeira e usar pijama também !

Aqui algumas fotos das cabanas da Festa do Pijama Ctba. 

 
 

Demais, não é mesmo?  Então se você quiser uma festa do pijama pra lá de divertida , acesse: http://festadopijamacuritiba.blogspot.com.br/
 

Costa do Sauípe com crianças



Há alguns anos ficamos em um resort bacana em Cancun e muito embora não tenhamos ido com o intuito de ficar no hotel, saímos com a sensação de não ter aproveitado toda aquela estrutura porque passávamos o dia inteiro fora e de fato, haviam muitas coisas legais para se fazer no complexo.
Este ano porém, nós estávamos a procura exatamente disso.. estrutura bacana, atividades interessantes,  descanso e lazer em um único lugar e então a pedida seria um resort, só que desta vez para FICAR curtindo o lugar.
A Cecília está naquela fase em que não anda, mas também não quer ficar no colo, o Mateus quer aproveitar tudo, brincar e pular, se divertir até não poder mais e o maridão e eu precisávamos desestressar,  então começamos a busca por este tipo de hotel.
Os pontos que nos levaram a optar pelo Sauipe Resorts foram a proximidade (é o único destino do Nordeste que existe vôo direto Ctba / Salvador) e a estrutura grande, com atividades diversificadas do complexo. O fato de ter um espaço kids completo e com programação das 09:00 às 22:00h, o centrinho Vila Nova da Praia, pois teríamos o que fazer a noite e haviam as opções de recreação também para adultos.   As facilidades para quem  vai com bebê também foi um ponto determinante.

O hotel agradou em cheio, pois tinha no espaço Country Sauipe, animais para as crianças curtirem, no Sauipe Náutica podíamos andar de caiaque, tivemos aulas de stand-up paddle, fizemos tirolesa e andamos de pedalinho, no Sauipe SPA cada dia tinha uma massagem melhor que a outra e no Sauipe Circo, até trapézio pudemos fazer.    O restaurante é bem grande, com comida não exageradamente diversificada, mas com muitas opções.  Tem um restaurante japonês no Sauipe Acqua que vale muito a pena, só que tem que reservar um dia antes.    Na piscina tem um bar com bebidas a vontade, bem como, salgadinhos, porçõezinhas e frutas, tudo a disposição dos hóspedes do all inclusive.  O frigobar era abastecido com bebidas todos os dias e ainda podíamos contar com uma copinha equipada para os preparos dos lanchinhos da Cecília, com direito à frutas frescas na geladeira também à disposição, sem falar que eles nos deram um cardápio de sopinhas onde nós escolhemos as comidinhas para ela para todas as refeições e a cada dia eles traziam onde estávamos e na hora combinada a comidinha da bebê.  
Realmente muito, muito bacana.   Para quem busca sombra e água fresca com o clima quentinho da Bahia, estrutura para quem não quer se preocupar com nada, quartos espaçosos (e agora estão sendo reformados), atividades na piscina e no complexo como um todo, eu digo que o Sauipe é o lugar !

Antigamente era tudo separado, Sauipe Premium, Park, Fun e Class  mas atualmente embora as pessoas ainda insistam em tratar por estes nomes,  eles chamam agora de Sauipe Resorts.   Apenas o Premium é que se mantém separado, lá existem algumas regalias a mais, porém para quem vai com crianças, achei o espaço da piscina deles meio sem graça, embora não seja longe a caminhadinha até o Sauipe Fun.    Quem está no sistema All Inclusive pode usar a estrutura de todos os hotéis (exceto do Premium) já quem está no Pousadas, não pode.

Pontos que valem ser observados:

* Contrate o seguro saúde próprio do hotel, pois eles não aceitam planos de saúde lá dentro e o seguro é um valorzinho bem baixo por dia,  no entanto se você não contrata e precisa que um médico dê uma olhadinha básica no seu filho (aconteceu conosco) você terá que pagar R$ 150,00 pela consulta mais uma fábula pelo medicamento que usarem.  Nós fomos apenas verificar se uma febrinha leve que deu na Ceci seria ou não do peitinho que estava meio cheio e isso nos custou um total de R$ 240,00.

* Leve medicamentos que você usa habitualmente e também alguns de precaução, pois a farmácia da Vila Nova é bem pequena e não tem quase nada.

* Nem só de chinelo vive o turista da Bahia ! As caminhadas dentro do complexo são deliciosas, portanto julgo imperdíveis, mas como lá é tudo muito grande as distancias são proporcionais ao tamanho do local, leve tênis para dar conta do recado.

* O hotel dispõe de bicicletas para locação. Nós pegamos aquela família com capotinha e que a criança vai sentada na frente. O Mateus amou.

E aqui os retratos destas férias que deixou saudades...


A vista panorâmica da piscina ao amanhecer. Às 05:00h já tem sol e às 09:00 ele já brilha Foooorte.


Nós três na piscina enquanto a Ceci dormia na sombra 
 
Meus amorzinhos se divertiram muito
É possível fazer looongas e deliciosas caminhadas dentro do complexo.  
 
Acima o Teus na fazendinha Sauipe ordenhando uma vaca pela primeira vez.  
 A programação da piscina era intensa para adultos e crianças, aqui o Mateus no "tapete magico"
Acima, no Sauipe Circo, tivemos aulas de trapézio.. Simplesmente demaissss


 Passeio de fim de tarde na Vila Nova da Praia

Reserva: Fizemos pela Booking.com. Conseguimos valores melhores pela Booking do que reservando pelo próprio hotel.

Exigências atendidas: Como é o Resort mais antigo do Brasil, ele está em fase de reforma porque tem muita coisa lá que está(va) meio caidinha, sabendo disso, eu pedi na minha reserva que o nosso quarto fosse da ala nova porque estávamos indo com bebê e porque eu tenho rinite alérgica, portanto queria uma acomodação bem ventilada e repaginada. Eles nos atenderam em cheio. Não sei como são os demais, mas o nosso quarto era muito bom.  Não aparece na foto, mas ainda tinha uma cama de solteiro para o Mateus e nós montamos o bercinho da Cecília com espaço de sobra.


Traslado: Pegamos a empresa de traslado que o Sauipe Resorts indica. Pagamos via deposito bancário, enviamos o comprovante por e-mail e na hora marcada eles estavam lá. Muito tranquilo.



Parabéns meu amor !

Hoje ele faz 06 anos ! Meu Deus, parece que foi ontem que ele chegou.  Peço à Deus que esteja com ele por onde quer que ele vá, que o abençoe ainda mais, muito e sempre porque eu o amo, porque ele é o meu ar, ele é o meu coração.

Fotografia de newborn


Para a gestante que está sonhando com a carinha de seu bebê e também por vê-lo naquelas fotos emocionantes de newborn, aí vai uma palhinha do trabalho do Studio Fases.
O ensaio  é realizado na residência da família, primando pelo conforto do bebê e da mamãe.  Os acessórios são todos higienizados com sabão especifico para bebês, evitando alergias na pele delicada do recém-nascido.  A duração do ensaio pode ser de até quatro horas, pois respeita-se as paradas para mamadas e o ritmo da criança.  Os ensaios são realizados até o 12º dia de vida do bebê.
E aqui, retratos de encher o olhos e o coração...

Rotina do sono

Quando chega o segundo filho, tudo é mais tranquilo (pelo menos deveria ser) pois a mãe já tem um pouco de bagagem, certo ?  Nem sempre !  Foi com esta meia verdade que eu achei que já sabia tudo e comecei a tomar decisões não tão acertadas assim com a Cecília. Cada criança é de um jeito com sua personalidade e vontades próprias.  Diferentemente do Mateus, ela sempre teve o sono mais leve e demorava para adormecer, mas com o passar do tempo isso foi melhorando e eu fui me tranquilizando, achando que estava tudo sob controle, até que há um mês mais ou menos ela começou a dar o maior trabalho do mundo para dormir, acordava diversas vezes à noite e nós estávamos chegando à exaustão.   Meio decepcionada, pois teoricamente eu já era uma mãe experiente, eu parti em busca de dicas e literaturas sobre como fazer uma criança dormir.  Tudo o que encontrei era basicamente o que eu já estava careca de saber, só que talvez faltava usar "todo este conhecimento" que eu jurava ter.  Além disso, teve um ponto que me chamou muito a atenção, que dizia .. "_Comece a rotina do sono antes mesmo da criança demonstrar cansaço"  e ao contrário disso, eu estava partindo para a técnica da exaustão, onde teoricamente quanto mais cansada ela estivesse e quanto mais tarde fosse, melhor e mais pesado ela dormiria.  Tudo errado !
 
Peguei as dicas na internet,  comecei a "implantação da rotina" com muita determinação, porém eu confesso que meio descrente se daria certo, mas eu precisava, no mínimo, tentar..   O ponto é que, DEU CERTO !  Mas deu tão certo, que hoje 30 dias depois, eu até me atrevo a compartilhar as dicas que li e as minhas dicas pessoais, aqui no blog.
 
A top 1 das dicas ..  Comece a rotina do sono antes do sono chegar
Aqui em casa funcionou de verdade.  Diferente de nós adultos, as crianças que estão muito cansadas ficam chatas, se batem e dormem mal.  Elas não tem entendimento sobre o que estão sentindo e não sabem canalizar aquela sensação para o relaxamento e consequente sono, então ficam lutando contra aquilo (principalmente as mais agitadinhas) e quanto mais tempo acordadas,  mais cansadas elas ficam e menos propensas a dormir.  Assim, a Cecília dorme entre 20:00 e 20:30h, portanto eu começo a rotina às 19:30h.
 
Crie um ritual
É importante a criança saber que naquele momento ela vai dormir.  Para os maiores dá para explicar, já com os bebês, somente com hábitos rotineiros é que eles terão tal entendimento.
Um pouco antes de coloca-lo para dormir, diminua a intensidade das brincadeiras, opte por leitura de historias ou brinquedinhos de montar, comece a falar, mesmo que aparentemente ele ainda não esteja entendendo.. "_Logo mais nós vamos dormir"   "_Daqui a pouco é hora de descansar" para que ele vá assimilando com o passar dos dias as frases ditas e o que acontece na sequência.
 
Dê um  banho quentinho
Muita gente prefere dar o banho do bebê pela manhã, mas é inegável que até para nós adultos um banho quentinho ao final do dia é excelente para relaxar.  Experimente dar o banho como mais um dos hábitos da rotina do sono, a criança vai ficando "molinha" e isso ajuda bastante também.
 
O momento do boa noite
Dar boa noite às pessoas da casa, um a um,  aos brinquedos e o que mais a criança desejar, também é uma ótima forma de sinalizar o momento do "desacelerar".  Aqui em casa agora nós começamos ..  Boa noite irmão !  Boa noite papai !  Boa noite urso rosa !  Boa noite Galinha Pintadinha !.. soa engraçado e requer paciência, mas funciona.
 
Eleja um amigo para dormir junto com a criança
Escolha um urso, uma naninha ou uma boneca que será o companheiro de berço/cama  da criança.  O ideal é que não seja aquele brinquedo que participa das brincadeiras agitadas, porque a tendência é que a criança queira brincar, mas sim, um brinquedo que nunca saia do berço, para que a ela entenda que aquele é o urso que dorme com ela e não o que faz bagunça.  Existem vários estudos falando sobre a importância da naninha, mas aí já será assunto para um outro post. O bacana é que exista algo  para acompanhá-la no momento de dormir.
 
Dê a mamadeira ou o nescauzinho
Tão gostoso quanto um banho quente é a barriga quentinha antes de deitar.  Para os que tem o hábito, dê o leitinho sinalizando para a criança que aquele leitinho quentinho a fará dormir bem.  É importante que ela compreenda que tudo de gostoso e seguro está acontecendo em prol da sua boa noite de sono.
 
Coloque-a no berço transmitindo segurança
É importante que a criança sinta em você a segurança que ela precisa para se deitar sozinha e efetivamente dormir.  Ao coloca-la na cama, diga que a ama, que ela terá uma noite de sono bem gostosa e tranquila para estar disposta no dia seguinte, que será um dia muito legal e portanto é necessário descansar.  Também deixe-a segura de que você, o papai e quem mais estiver na família estarão por perto, que todos também irão dormir naquele momento.
Procure fazer o mesmo discurso todas as noites, pois a repetição do discurso seguido de uma boa noite, farão com que ela acredite em você.  Então saia do quarto com segurança e feche a porta.
 
Não a deixe chorar
Sou completamente contra a técnica cruel de deixar a criança chorar.  Ao sair do quarto, é possível que ela chore, espere uns três minutos para ver se a manha passa, do contrario entre no quarto  e coloque-a novamente na posição que você tinha deixado, explicando que você está próxima e que está tudo bem.  Talvez você precise fazer isso varias vezes, mas não desanime.
 
Não fuja da regra
A Cecília estava indo super bem, até que uma noite de sábado achamos que não teria problema algum se ela ficasse conosco na sala curtindo as visitas.. Nós a deixamos até umas dez e poucas brincando com as pessoas, dando risadas e aproveitando o momento, mas quando a colocamos para dormir, ela estava agitada e muito cansada,  ela não entendia o que estava acontecendo, chorava no berço, chorava no colo, não queria a mamadeira.. Resumo da ópera, tivemos que iniciar o ritual de desaceleração, dar um banho para ela relaxar, contar historinhas e aí mais de  meia noite ela estava calma e tranquila para dormir de verdade.  Então, tendo visitas ou não, procure manter a rotina.
 
Enfim, eu concluo dizendo que não é fácil, mas sim, resolve !  Eu estava bastante incrédula, achando que seria mais uma das milhões de técnicas que as pessoas pregam sobre a criação de filhos, mas neste caso, fui obrigada a morder a língua e me render às teorias.  Espero de verdade, que as dicas te ajudem tanto quanto me ajudaram.
 

Bolsas e mochilas diferentinhas

Assunto paixão feminina.. Bolsas, ops.. neste caso, Bolsinhas !   Não dá vontade de ter uma de cada ?


 
 

Falando sobre moda para crianças



Toda mãe coruja acha o seu filho lindo !   _ Ele fica lindo de jeans,   _ Fica um amor de roupinha social, _ Com vestidinho então, ela vira uma princesinha...

Enfim, tudo cai bem nos nossos pimpolhos, ainda mais quando estamos nos referindo a peças charmosas, diferentinhas, clássicas ou descoladas, mas que tenham a carinha dos nossos pequenos amores.

Eu, coruja e babona pelos meus filhos que sou, adoro arrumar a minha duplinha..  Assim, o que não faltam são ideias do que combinar com o que, que sapatinho colocar, qual acessório fica bacana e nessas, muita gente me diz que eu deveria trabalhar com moda infantil...   Será ?!?

Eis que resolvi me atirar no universo dos mini-fashionistas e em breve terei um blog delicioso, cheio de novidades sobre o tema.

Curtiu ?  Então comente e principalmente, me conte o que você gostaria de ler a este respeito.


Aguarde..

Posts Recentes

Últimos Comentários

Não perco por Nada!

CAIXINHA DA MAMÃE - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2013
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL