A batalha entre as mães de "filhos biônicos"!

A cada dia eu presencio cenas feias entre mamães se digladiando em defesa de seus ideais no que diz respeito à criação de filhos.  Faço parte de grupos de mães na internet e basta uma pobre coitada lançar uma pergunta sobre amamentação por exemplo, para que chovam comentários sobre as "suas verdades" à respeito do tema, muitas vezes despicando àquelas que não conseguiram amamentar..  Por vezes uma mãe lança um post sobre cesárea e lá vem de novo aquele bando de mulheres levantando a bandeira do parto normal e criticando as que embarcaram no "parto do bisturi" como li estes dias.   E independente do tema, do quão superficial possa ser, tudo acaba tomando um rumo de disputa.    Mamadeira ? A minha é a melhor porque comprei em tal lugar, lava-se de tal forma, foi indicada pelo médico não sei das quantas..    Pediatra ?  O meu pediatra é o mais graduado, gabaritado, aclamado e famoso da cidade..   Fotógrafo para newborn ? O meu fotografo tem o trabalho mais bonito, é o mais concorrido e melhor da região..   Isso quando não se fala em escola.. Ich, aí a coisa pega.
Enfim, são tantas guerrinhas, tanta falta de respeito.  O ser humano tem sim a tendência narcisa de  achar que ele e tudo o que vem dele é o melhor, mas parece que quando o tema é maternidade esta caraterística fica ainda mais acentuada.

Eu tendo um menino de seis anos e uma bebê de um ano, ficou ouvindo as comparações que mães das duas faixas etárias me apresentam quase que diariamente..  "Ele lê ?" ,   "Ele já trocou os dentes ?" ,   "O meu já anda de bicicleta sem rodinhas desde o quatro anos",  "_ E ela já anda ? O meu filho andou com dez meses."  ..  "_Ainda não soltou a língua ? a minha caçula fala tudo com um ano e meio" ..  
Isso quando não se ouve proezas, frases prontas e grandes feitos, que segundo a mãe foram feitos pela criança e que são em alguns casos, até difíceis de acreditar.  

Aí eu fico pensando.. Se cada criança tem uma mãe, se cada mãe tem um único pai biológico para aquela criança e consequentemente eles estão inseridos no círculo de uma família, porque as pessoas insistem em tentar tornar coletivo os hábitos e comportamentos que são peculiares ao seu meio ?

As falas são repetitivas e cansativas.  São  dicas que as pessoas insistem em dar mesmo que ninguém tenha lhes solicitado, mas unicamente pelo prazer narciso de tornar a sua ideologia em verdade e numa sede psicótica de popularidade, tentam empurrar goela abaixo nas pessoas, aquilo que acreditam para si.

É a geração de mães paranoicas e seus "inocentes filhos biônicos".  Pobres crianças que mesmo sem saber, são a arma de uma guerra fria entre mulheres ensandecidas por serem alguém através da sua projeção no filho. 

Acredito que isso seja também um reflexo da globalização e da internet com esta coisa de que é necessário "viver para os outros".  Ninguém mais se contenta em ser feliz, a felicidade agora consiste em mostrar pro outro o quanto se é feliz.  As pessoas não se dão por satisfeitas de ter filhos perfeitos, saudáveis e inteligentes, é como se estas características só se realizassem no filho à partir do momento em que elas se tornam públicas. É preciso que o outro saiba que o meu filho é inteligente, bonito e feliz para que de fato ele possa viver como tal.

Eu torço, de verdade, para que uma hora exista o corte disso tudo. Para que as pessoas voltem um único passinho  e retomem aquela "simplicidade do ser" que existiu alguns anos atrás.  Todos teremos a ganhar com isso, até porque, o que nos é mais caro deve ser muito bem guardado e esta super exposição e competição incessante, que fique para o plano dos adultos sem envolver as nossas crianças.  Com isso, gastaremos menos tempo com competição e sobrará mais tempo para o amor.. por favor !

Festa Tema jardim - Cecília faz 1 ano !!

E minha pequena já fez um ano !!
 
O meu coração de mãe está orgulhoso porque ela esta cada dia mais esperta, risonha e feliz !!  Por outro lado, Meu Deusssss como passou rápido !!   e se eu for comparar com o Mateus que parece que mal chegou e já está com quase seis anos, eu vejo que eu tenho mais é que aproveitar, aproveitar e aproveitar porque é um  tempo que não volta.
 
Pensando nisso é que fizemos a festa.. pensando nisso é que eu quis organizar várias coisas desta festa, pois é a maneira que eu encontro de aproveitar estes momentos, de guardar na memória, em fotos e no coração cada fase dos meus pequenos.
 
A festa em 11/04, foi linda !!  Tinha uma atmosfera de família, de gente feliz, de crianças correndo pelo gramado.. Tudo exatamente como eu idealizei  e  bem com a cara da minha pequena, que merece tudo de mais lindo deste mundo!!  Ela curtiu a festa minuto a minuto, não resmungou, não chorou e nem demonstrou cansaço! Todos estavam surpresos com o tanto que ela brincou e aproveitou, pois ninguém esperava ver uma criança de um ano tão à vontade no meio daquele barulho todo.. ela quis pegar os enfeites da mesa, quis brincar na piscina de bolinhas (aliás, nem queria sair da piscina) queria ir na cama elástica.. enfim, parece que ela sabia que o dia era dela e que lhe cabia curtir tudo.
  
O tema foi jardim, como eu já havia comentado em outros posts.  A decoração ficou a encargo da Queiroz de Macedo www.queirozdemacedo.com.br e a Natasha é uma querida.  Tratamos tudo em uma primeira reunião de briefing e depois nos falamos unicamente por e-mail, (o que é ótimo para uma mãe atarefada e sem tempo como eu);  O que eu mais gostei na Queiroz é que eles são disponíveis e "normais", digo normal porque não tem estrelismos, não tem exigências descabidas, eles conversam com você a fim de fazer algo bonito e real dentro das suas possibilidades, não se opuseram na minha participação na decoração com os "meus mimos" e por serem profissionalíssimos, o resultado final é de cair o queixo.
 
 
 
Os docinhos eu fiz com a Panetelli, (os simples e não menos deliciosos) e os elaborados com a Doce Estilo (cupcakes, cakepops, maçãs do amor etc).. Olha que amor que ficou !

 
 
A música ao vivo sempre tão agradável e elogiadíssima por sinal, ficou por conta do Jared.
 
Os brinquedos e o carrinho vintage de pipoca também peguei com a Queiroz, pois eles tem as monitoras que cuidam das crianças nos brinquedos.
E que por falar em crianças, eles se esbaldaram com a monitora que também peguei com a Queiroz (na verdade com a Tio Pipoca, empresa do grupo Queiroz) e com a monitora eles jogaram futebol, fizeram corrida no saco, brincadeiras de roda, enfim.. brincaram até não poder mais.
  
As comidinhas eram da Panetelli www.panetelli.com.br e da Panelinhas http://panelinhasemcasa.blogspot.com.br; Com a Panetelli peguei os salgadinhos mais comerciais e os de criança, já com a Panelinhas foram as comidinhas mais adultas e elaboradas ao estilo finger food, embora eu não tenha optado pelos potinhos.  Enfim, eu super recomendo !!   
 
As cadeiras e sobre toalhas são da A Locadeira www.alocadeira.com.br .  Gosto deles porque também é muito prático, você escolhe no site o que precisa, depois vem um pedido com os dados no seu e-mail, você faz um deposito do valor e no dia do evento eles entregam tudo direitinho.

O bolo foi exatamente a realização de uma ideia.. Eu não queria bolo de gaiola ou passarinhos que é o que mais se vê nas festas jardim, queria algo realmente diferente, que fosse lindo e único mas sem fugir do tema.  Foi quando em pesquisas, encontrei o bolo de esquilos e fiquei simplesmente apaixonada !!  Aí teria que conversar com a Patrícia Machado para ver se ela faria pra mim e imediatamente ela embarcou na idéia.  O bolo ficou lindo, diferente, delicadíssimo, além de exclusivo e foi muito elogiado. Para quem quiser conhecer o trabalho da Patrícia, procure por Patricia Machado da Patitas no Facebook, eu super recomendo.

 
Olha a delicadeza, os tons pastéis, as carinhas dos bichinhos.. a Patrícia é a the best
 
Os vestidos da Ceci foram presente da vovó, o lindo vestido branco usado no início da festa e o "vestido bolinho" usado  do parabéns em diante é da Kendra.
   
As lembrancinhas foram da mamãe aqui, sacolinhas com coisinhas de criança, lápis decorados, docinhos e coisinhas diversas que estavam disponíveis na mesa de guloseimas e as canecas personalizadas que foram apenas para a vovó, dinda e tias.
 
 
 
 
 
As garrafinhas vintage abaixo, também tiveram um toque da mamãe.
 
Aqui, alguns dos chapeuzinhos que eu fiz para as menininhas e para o irmão Mateus..
 
As minucias diversas que contaram esta história.
 
  
 
Aqui acima, os doillies feitos pela mamãe
 
 
 
E por fim, como tudo isso teria que ser registrado, a fotografia eu deixei a encargo do Justen.  O Justen eu conheci na época do batizado da Ceci e muito embora não nos encontremos, ficamos "amigos online".  Ele será papai em breve e está todo coruja com sua esposa Mari e claro, com o príncipe que esta por vir e assim, volta e meia conversamos sobre filhos hehehe (viu ? papais também gostam de falar sobre filhos) .. Mas voltando ..  Os registros são do Justen  e eu claro, fiz umas fotinhos da decoração, pois eu não iria aguentar não registrar.. hehehe

Já o Smash The Cake, cujas fotos foram usadas na festa, foram registros da mamãe aqui ..
 
Enfim, a festa foi uma delícia, linda, leve e alegre !!  Mas como tudo o que é bom, passou  e rápido por sinal !   O que fica de tudo isso é a saúde da minha filha tão sonhada e idealizada, o desenvolvimento diário dela em que cada dia ela surge com alguma coisa nova, a inteligência dela, a alegria de acordarmos de manhã escutando pela babá eletrônica suas conversinhas bonitinhas lá no berço.. enfim, o que fica é a alegria de ter mais um filho(a), de sermos há um ano uma família de quatro pessoas e por conta disso, o tanto que somos felizes !!!
 
Obrigada Ceci por existir, parabéns pelo seu 1º de muitos lindos anos que eu lhe desejo pela frente.. Que Deus a abençoe grandemente .. esta sua mãe aqui, claaaaro .. Te Ama Muito !!!

 

Posts Recentes

Últimos Comentários

Não perco por Nada!

CAIXINHA DA MAMÃE - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2013
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL